DADOS DE CONJUNTURA DA PRODUÇÃO DE FEIJÃO COMUM (Phaseolus vulgaris L.) E CAUPI (Vigna unguiculata (L.) Walp) SANTA CATARINA*. (1985 - 2020)
ANO
Feijão (Phaseolus)
Feijão (Phaseolus)
Feijão (Phaseolus)
" Total de Feijão"
Caupi (Vigna)
(1. Safra)
Caupi (Vigna)
(2. Safra)
Total
Caupi (Vigna)
1. Safra - "águas" 1)
(ago, set, out, nov)
2. Safra - "seca"
(dez, jan, fev, mar, abr)
3.Safra -"irrigado" 2)
(abr, mai, jun, jul)
(Phaseolus)
(1. + 2. + 3.)
Área
(ha)
Prod.
(t)
Rend.
(kg/ha)
Área
(ha)
Prod.
(t)
Rend.
(kg/ha)
Área
(ha)
Prod.
(t)
Rend.
(kg/ha)
Área
(ha)
Prod.
(t)
Rend.
(kg/ha)
Área
(ha)
Prod.
(t)
Rend.
(kg/ha)
Área
(ha)
Prod.
(t)
Rend.
(kg/ha)
Área
(ha)
Prod.
(t)
Rend.
(kg/ha)

1985

255.485

229.251

897

150.669

82.902

550

406.154

312.153

769

1986

197.666

77.140

390

170.136

103.792

610

367.802

180.932

492

1987

271.000

189.700

700

88.771

34.657

390

359.771

224.357

624

1988

270.000

216.000

800

110.607

49.521

448

380.607

265.521

698

1989

239.878

186.602

778

114.901

82.231

716

354.779

268.833

758

1990

281.405

206.643

734

122.882

74.183

604

404.287

280.826

695

1991

268.815

142.911

532

105.968

54.572

515

374.783

197.483

527

1992

266.859

295.517

1.107

118.917

74.860

630

385.776

370.377

960

1993

255.912

229.274

896

97.274

64.266

661

353.186

293.540

831

1994

245.714

262.051

1.066

106.757

83.456

782

352.471

345.507

980

1995

253.435

231.235

912

106.556

85.030

798

359.991

316.265

879

1996

221.433

174.113

786

105.445

87.870

833

326.878

261.983

801

1997

206.524

199.806

967

91.985

74.007

805

298.509

273.813

917

1998

146.046

116.718

799

66.158

41.566

628

212.204

158.284

746

1999

164.228

166.501

1.014

76.151

44.457

584

240.379

210.958

878

2000

157.924

176.953

1.120

54.875

50.970

929

212.799

227.923

1.071

2001

104.775

127.796

1.220

38.666

36.352

940

143.441

164.148

1.144

2002

111.408

136.045

1.221

40.395

35.669

883

151.803

171.714

1.131

2003

104.881

136.694

1.303

41.911

51.932

1.239

146.792

188.626

1.285

2004

101.695

117.528

1.156

32.873

26.331

801

134.568

143.859

1.069

2005

83.263

92.185

1.107

25.885

20.983

811

109.148

113.168

1.037

2006

90.588

109.227

1.206

37.432

55.015

1.470

128.020

164.242

1.283

2007

102.855

181.709

1.767

26.830

33.215

1.238

129.685

214.924

1.657

2008

78.173

141.024

1.804

29.106

39.875

1.370

107.279

180.899

1.686

2009 89.500 131.388 1.468 39.613 47.139 1.190       129.113 178.527 1.383                  
2010 78.530 129.559 1.650 32.155 40.194 1.250       110.685 169.753 1.534                  
2011 81.186 128.505 1.583 22.701 28.239 1.244 103.887 156.744 1.509
2012 61.985 91.430 1.475 22.433 24.289 1.083 84.418 115.719 1.371
2013 55.949 101.340 1.811 24.206 34.528 1.426 80.155 135.868 1.695
2014 63.097 107.427 1.703 24.921 37.744 1.515 88.018 145.171 1.649
2015 51.296 97.057 1.892 25.403 42.011 1.654 76.699 139.068 1.813
2016 44.695 81.227 1.817 26.643 42.396 1.591 71.338 123.623 1.733
2017 49.233 105.809 2.149 20.403 30.472 1.494 69.636 136.281 1.957
2018 49.565 91.359 1.843 21.786 35.905 1.648 71.351 127.264 1.784
2019 37.054 72.640 1.960 25.166 36.177 1.438 62.220 108.817 1.749
2020 34.844 62.629 1.797 21.856 35.905 1.643 56.700 98.534 1.738

*Fonte: adaptado de Levantamento Sistemático da Produção Agrícola - IBGE (1985-2020) e elaborado na Embrapa Arroz e Feijão por Osmira Fátima da Silva (SILVA, O. F. da), em agosto de 2021
1) Inclui o feijão irrigado do Estado do Paraná.
2) Exclui o feijão irrigado do Estado do Paraná.
Notas explicativas:
1 - Sobre o feijão comum (Phaseolus vulgaris L.): O Feijão das "águas" é plantado nas Regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e nos Estados do Ceará, Rio Grande do Norte e Bahia e, é cultivado entre os meses de agosto a novembro. O Feijão da "seca" é plantado nas Regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e em único período de plantio no Norte, onde é consorciado com o milho. E, é cultivado entre os meses de dezembro a abril. O Feijão "irrigado" no Estado do Paraná não é plantado sob sistema de irrigação, via pivô central, como nos demais Estados onde é cultivado na 3a. Safra e, no presente estudo está incluido como feijão da 1ª safra ("águas"). O feijão irrigado por aspersão via pivô central ou de 3a. época ou irrigado de inverno é cultivado entre os meses de abril a julho .
2 - Sobre o feijão caupi (Vigna unguiculata (L.) Walp), segundo NOGUEIRA, O. L.; SILVA, J. F. de A. F. da. Sistemas de cultivo consorciados com caupi no trópico úmido brasileiro. In: ARAÚJO, J. P. P. de; WATT, E. E. O caupi no Brasil. Brasília, DF: IITA: Embrapa, 1988. p. 327-354. Na região do Trópico Úmido (AC, AM, PA, AM, RR e MA), na 1a. Safra (águas) o plantio é realizado de fevereiro a abril, com predominância em fevereiro. O plantio do Caupi (Vigna unguiculata (L.) Walp) na região Médio do Amazonas Paraense, na 2a. Safra (seca) ocorre de julho a setembro; Em Roraima, o plantio é semelhante ao Nordeste e no Amapá já é diferente de Roraima.
3 - Sobre as análises de regressão do feijão caupi (Vigna unguiculata (L.) Walp) para área e produção com base nas funções da produção e da área do Estado do Pará (com os dados da 2a. Safra de 1990 a 1995) foram estimados os dados de 1996; Na Paraíba (2a. Safra de 1991 a 2004) para estimar 2005; Na Bahia (1a. Safra de 1990 a 2001) para estimar 2002; No Pernambuco (2a. Safra de 1990 a 1998) para estimar 1999.
4 - Segundo Banco Sidra do IBGE/2018, foram realizados ajustes nos dados de feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) de 3ª safra - "irrigado", no ano de 2016, para Brasil, regiões Sudeste e Centro-Oeste, e nos estados de São Paulo e Goiás.
5 - Segundo o Levantamento Sistemático da Produção Agrícola, os dados por modalidade diferenciada de safras para 2019 e 2020 ainda estão sujeitos a alterações!
6 - Para citação Bibliográfica dos dados do feijão, pesquisados neste site, favor informar:
EMBRAPA ARROZ E FEIJÃO. Dados conjunturais da produção de feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) e caupi (Vigna unguiculata (L.) Walp) no Brasil (1985 a 2020): área, produção e rendimento. Santo Antônio de Goiás: Embrapa Arroz e Feijão, 2021. Disponível em: <http://www.cnpaf.embrapa.br/socioeconomia/index.htm>. Acesso em: ___/ ___/ ___ (Data da consulta on line).